segunda-feira, 20 de agosto de 2012

TERRA DA BARRAGEM (Sobradinho-BA)

Oh! terra da barragem, 
o que falta ao teu povo?
Será que é a coragem, 
ou a incúria de novo?

Por que dormes as margens 
das correntes da tua liberdade?
Ficarás preso as miragens
 e não verás a tua realidade?

Oh, o teu ultraje advém 
trajado a caráter e sem pudor!
Não podes ocultar 
nem teu sofrer, nem a tua dor!

Por que se lamentar? 
Tuas lamúrias não vão te libertar!
Oh, desperta-te, vai avante,
 doravante é preciso lutar!!

Rikardo Barretto